Atleta do IESP conquista pódio em Mundial de Karatê disputado na Europa

Atleta do IESP conquista pódio em Mundial de Karatê disputado na Europa

27 de março de 2024 0 Por Jonatas Lopes

Com duas medalhas de bronze na competição realizada em Malta, Paulo Sérgio Nascimento Farias também ensina arte marcial para crianças no Instituto de Ensino de Segurança.

Representante do Brasil no Campeonato Mundial de Karatê 2024, Paulo Sérgio Nascimento Farias, subtenente da Polícia Militar, conquistou dois pódios no campeonato que ocorreu em Malta, na Europa. Ele é atleta do Instituto de Ensino de Segurança do Pará (Iesp), vinculado à Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup). Com dois bicampeonatos nacionais conquistados na categoria Master D no Kata Individual pelo Iesp, o atleta foi convocado ao Mundial, organizado pela World Karate-Do Alliance (WKA), no final de 2023.

O torneio ocorreu entre os dias 21 e 24 de março, e contou com a participação de representantes de mais de 50 países. Apesar de já ter competido em outros torneios internacionais, a participação no Mundial foi inédita. O subtenente Nascimento conquistou as medalhas de bronze nas categorias Kata (movimentos) e Kumite (combate) no Open Malta, mesmo com uma contusão logo no primeiro dia de competição.

Esporte e cidadania – Praticante do esporte desde a juventude, o atleta também é gerente do Núcleo de Capacitação Física e Profissional (Nicaf) do Instituto, instrutor da Escola de Karatê do Iesp (EKIESP) e ministra aulas para cerca de 40 alunos, em diversas faixas etárias. As turmas são formadas por servidores, filhos de militares e moradores do entorno da sede da instituição, no município de Marituba, na Região Metropolitana de Belém.

As instalações do Iesp também foram utilizadas pelo atleta durante o período de preparação para o torneio — que inclui um dojô totalmente equipado, entregue em 2021 pelo governo do Estado, por intermédio da Segup.

O atleta também reforçou a importância do momento para sua realização profissional e a para a qualidade do karatê brasileiro. Para ele, estar entre os melhores do mundo no esporte também permitiu mostrar o trabalho desenvolvido dentro da Escola de Karatê e as possibilidades que podem ser alcançadas pelos atletas. “O Mundial serviu como um termômetro para ver que nós estamos no caminho certo, proporcionando às crianças e adolescentes que precisam praticar um esporte, para se manter longe da violência e da criminalidade. Esse também é o papel da Secretaria de Segurança Pública, através do Iesp. É aproximar a comunidade do Sistema de Segurança Pública e agregar valores para a juventude e famílias, trabalhando o resgate social através da arte marcial”, enfatizou.

 

 

Texto: Esther Pinheiro – Ascom/Segup

Link: AGÊNCIA PARA